segunda-feira, 29 de setembro de 2008


Niver do Alberto....
=)

sábado, 27 de setembro de 2008

Pally, Pitty e Sofia....



ja faz tempo mais da saudades desse momento!!!
foi perfeito!!!


quinta-feira, 25 de setembro de 2008

segunda-feira, 22 de setembro de 2008


A Garota Que Grita , Pula e Dança . Que Chora , Xinga e Ajuda . Que é Amiga , Sincera e Realista . a Garota Simples , Humilde e Boba .a Menina Que Conta Piada Na Hora Que Não Pode , Que Odeia Falsidade a Garota Que Sempre Quer o Bem Das Pessoas, a Garota Que Apesar Dos Erros e Medos


....Vive Sua Vida Intensamente...
"Eu sinto a sua falta
Sinto muito a sua falta
Eu não te esqueço
Oh, é tão triste
Eu espero que você possa me ouvir
Eu lembro claramente
O dia que você escapou
Eu não encontrei a ocasião para dar um beijo de despedida...
Eu gostaria de poder vê-lo novamente
Eu sei que não posso"
Isto é pra vc...
...

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Vamos dar uma volta pelo universo?
caminhar entre as estrelas, olhar a lua, conhecer os planetas....



Nenhuma doutrina me convence
Nenhuma resposta me satisfaz
Nem mesmo o tédio me surpreende mais
Mas eu sinto que eu tô viva
A cada banho de chuva que chega molhando meu corpo
Nenhum sofrimento me comove
Nenhum programa me distrai
Eu ouvi promessas, e isso não me atrai
E não há razão que me governe
A minha alma
Nem me lembro mais
Em que esquina se perdeu
Ou em que mundo se enfiou....

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Eu posso me dar melhor

Eu não dou a mínima com o que você diz para mim
Eu realmente não me importo com o que você pensa sobre mim
Porque de qualquer forma você vai pensar no que você acredita
Não há nada que você diga que poderia me magoar
Eu fico melhor sem você mesmo
Eu pensei que seria difícil, mas eu estou bem
Eu não preciso de você, se você vai ser daquele jeito
Porque comigo, é tudo ou nada
Eu estou cansada dessa merda
Não nego
Você é uma perda de tempo
Eu estou cansada dessa merda
Não me pergunte por quê
Eu te odeio agora
Então afaste-se de mim
Você já eraFaz tempo
Eu posso me dar melhor
Ei! Ei você
Eu me encontrei de novo
PorqueVocê se foi
Eu posso me dar melhor
Você é tão cheio de si
Eu não suporto a forma como você age, eu simplesmentenão compreendo
Eu não acho que você consegue lidar com isso
Eu já superei faz tempo....



domingo, 14 de setembro de 2008

Pancho e Orquidia




ele é o ser que mais amoooo neste planeta!!

o Pancho.....

tão especial, lindo, fofo!

ele é um docinho...hihihihi

Saudades dele!

passei mtos momentos bons com ele....

viajou comigo desde o Chile ate o Brasil...

sinto muito a falta dele...

AMO D+





e ela é Orquidia...mto fofa tambem! estamos cuidando dela...

...adoro ela...


mto engraçada...


=)

os animais tambem presisam de carinho!

*-*

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Não chore para mim




Me pegue enquanto eu caio
Diga que você está aqui e que está tudo acabado agora
Falando da atmosfera
Ninguém está aqui e eu caio dentro de mim mesmo
Essa verdade me leva À loucura
Eu sei que eu posso parar a dor
Se eu quiser tudo vai embora.
Agora eu vou lhe dizer o que fiz por você
Chorei 50 mil lágrimas
Gritando, enganando e sangrando por vocêE você continua não querendo me ouvir...
Não quero sua mão, desta vez eu me salvo sozinhaTalvez eu acordarei de uma vez
Sem me sentir atormentada diariamente, derrotada por vocêJusto quando eu pensei que havia alcançado o fundoEu estou morrendo de novo
Eu estou afundando
Me afogando em você
Eu sempre estou caindo
Eu tenho de quebrar
Eu estou afundando misturando, confundindo a verdade e a mentira
Então eu não sei o que é real e o que não é
Sempre confundindo os pensamentos na minha cabeça
Então eu não posso confiar em mim mesma nunca mais
Eu estou morrendo de novo
Não chore para mim
Se você me amasse
Você estaria aqui comigo
Você me quer,Venha me encontrar
Decida-seDeveria ter te deixado cair
E perder tudoEntão, talvez, você pudesse se lembrar de si mesmo
Não posso continuar acreditando
Estamos apenas nos enganando
E eu estou cansada das mentiras
E você está muito atrasado.....
os sentimentos que esconde
os sonhos que naum pode encontrar
esta fikando louca
naum pode encontrar seu lugar
esta perdida por dentro...



pq?pq?pq?pq?



Essa foi de derrumbar. estou tão deprimida que naum vai dar pra segurar.

Tanto entusiasmo e em algumas horas tudo foi pelos ares, portas e mais portas, todas trancadas e naum conheço o endereço do chaveiro.

Do jeito que to me sintindo, poderia ser enfermeira toda de branco...andando silenciosa pelos andares mal iluminados do hospital.

entrando no quarto dos muitos doentes, cuidar deles, trocar lençois, dar banho, fazer curativos.

Me dedicar totalmente ao enorme sofrimento dos outros.

Tão abnegada que todos me elogiariam e exigiriam a minha presença dia e noite. insubtituivel. eu humilde, modesta, aguentando a dor dos outros na maior nobreza.

Ajudando os medicos, que se urvariam perante a minha experiencia e sabedouria, incansavel.

È um sonho lindo. só que presisava é duma enfermeira abnegada para mim, pra me consolar pra dizer que vou conseguir, que naum é o fim que é so o começo.
Porra, mas tambem naum presisava ser um começo tão duro, com tanta má vontade.

Puta mundo injusto. a gente resolve dar um grito de guerra, ser independente e o que acontece??

Nada, nada de nada.....


"caminhando contra o vento, sem lenço nem documento num sol de quasi janeiro, eu vou, eu vou..."
tudo bem, cabeça feita com a musica de Caetano Veloso, explicando como me sinto....




segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Un Comienzo



Cuando comienza la limpieza de nuestro espíritu podemos esperar a ver que acontece dentro del corazón .
Emoción es el misterio
Podemos trasladarnos para ver cuando comienza a salir el sol ,
podemos estar bajo el amparo de nuestro sosiego
Pero nos cuesta ver donde comienza el limite de nuestro corazón
Hay días en que la lluvia moja nuestros sueños
Hay otros que la misma lluvia llena de esperanza los ideales humanos y
hay otros en que las lagrimas reprimidas impiden aliviar al corazón
de esta eterna lluvia
Donde estas hermana mía
Adonde fue el soplo de tu aliento dormido

Las escaleras empinan su ángulo
Dificultando la llegada
Una brisa remueve nuestros cabellos
Y el ronrroneo gatuno detiene el paso

Tac tac tac suena el martillo
A la par del progreso
Aun no se ha servido el almuerzo
Y las hambrientas bocas devoran los platos dorados

La impunidad de apodero del día
Al no vestir tacones de cocodrilo
Y el juzgamiento del la noche
A causa de los pies descalzos

Un rayo cae en el horizonte y
Una bandada de garzas se despiden del sur

Así los elementales de la naturaleza
Cambian el espacio físico en cada solsticio y en cada equinoccio

Así muda la piel y nuestra emoción

La pluma vuela sin su madre y la nube habla sin palabras
Todo quedo cerrado al murmullo de la calle

Arriba aun hay gente
Y la escalera avanza a otro continente

podré llegar sin distracciones al vació del universo _

cometas, estrellas , luces en general bajo el manto de brazos trabajados .....